18 mai2012

 

Durante a programação oficial da Rio + 20, acontecerá na cidade diversos eventos paralelos ligados à Sustentabilidade. Um deles é a Gescom – II Seminário Científico Internacional de Gestão Compartilhada de Praias, nos dias 11 e 12 de junho  no Forte de Copacabana. Estão programadas  palestras abertas ao público, onde se discutirá como melhorar a gerência da costa brasileira e aproveitamento responsável desta região, entre outros assuntos relacionados. Esta será mais uma parceria entre o Instituto-E e a OSC.

 

O Seminário nasceu a partir da preocupação com a ocupação desordenada da costa brasileira. Sendo o quinto maior país do mundo em extensão territorial, o Brasil possui um litoral de 7.367 km, sendo que o contorno da costa aumenta para 9.200 km se forem consideradas as saliências e reentrâncias do litoral.  O alerta é justificado. De acordo com o IBAMA, a densidade demográfica média da zona costeira é de 87 hab./km2, cinco vezes superior à média nacional que é de 17 hab./km2, demonstrando que a formação territorial foi estruturada a partir do litoral. Metade da população brasileira reside numa faixa de até duzentos quilômetros do mar, o que equivale a um efetivo de mais de 70 milhões de habitantes, cuja forma de vida impacta diretamente nos ecossistemas litorâneos.

 

Durante a Gescom será realizada a cerimônia de lançamento da candidatura da Prainha, praia na zona oeste do Rio de Janeiro, a receber o selo do Programa Bandeira Azul – coordenado pelo Instituto Ambiental Ratones -  projeto que vem tentando aprimorar o uso pelo Homem e preservar praias e marinas em todo o mundo. O   Bandeira Azul já hasteou seu símbolo em mais de 3.600 praias e marinas em 46 países da Europa, África, Américas e Oceania. No Brasil, a praia   do Tombo  ( Guarujá, SP) e a marina Costabella ( Angra dos Reis, RJ)  integram o seleto grupo das praias e marinas mais sustentáveis do globo. Estão inscritas na fase piloto a Prainha ( RJ) e Itaúna ( Saquarema, RJ).

 

Todo processo do Gescom será monitorado pela empresa Box Carbono que calcula as emissões poluidoras  de um evento através de fontes diversas, como as associadas ao lixou ou ao consumo de água. O selo CO2® Carbono Neutro é um padrão de excelência em responsabilidade ambiental e climática e garante que  a produção  teve as suas emissões de gases de efeito estufa quantificadas, as reduções realizadas e as emissões restantes compensadas.

 

Para mais informações sobre o Bandeira Azul visite o site: www.iarbrasil.org.br

 

 

 

OSC
OSC

Comentários

Deixe um Comentário